Substitutos para esmaltes gringos.

11:42



Unhas bem feitas já são parte da beleza de qualquer mulher e os esmaltes importados são os mais cobiçados pelas esmaltólatras. É porque eles têm o histórico de ter qualidade melhor e cores mais criativas.
No entanto, a indústria brasileira de cosméticos não quis ficar atrasada e está correndo atrás do prejuízo, cada vez com mais sucesso. Tanto, que selecionamos dez substitutos nacionais e com precinho amigo.


Particuliére, Chanel: R$89 / Frisson, Anna Hickmann: R$ 3,89




Particuliére é uma das cores mais clássicas e elegantes do mundo da moda, além de pertencer à grife mais cobiçada do mundo. Mas o Frisson, da linha de esmaltes da Anna Hickmann é quase equivalente ao Chanel.

Diablotine, Dior: R$ 76 / Mão Boba, Impala: R$ 2,50



A versão baratex do Diablotine, da Dior, não chega a ser igualzinha à original. O Mão Boba, da Impala, é bem mais rosado que o gringo, mas dá para matar a vontade, porque tem uns brilhinhos lindos bem parecidos com os do Diablotine.

401 Saint-Tropez, Dior: R$ 76 / Brisa, Panvel: R$ 2,23




Os tons de verde água não são exatamente iguais: o Brisa é mais azul. Mas só quem é especialista no assunto percebe e o nacional ainda figura como um dos melhores substitutos.

Metro Chic, Sephora by O.P.I.: R$ 48 / Jackie, Impala R$3,50


Essa onda de tons greige (meio cinza, meio bege) trouxe ao topo dos mais desejados vários gringos nessa cartela de cores. O Jackie chega a ser um pouco mais escuro que o Metro Chic, mas cumpre bem o papel.

Duo Sharplines, NARS: R$ 120 / Burgundy, Maybelline: R$ 8,99



A Maybelline conseguiu se aproximar bastante desse tom berinjela escurão do Duo Sharplines. A versão não é tão baratinha, mas vem 10 ml no vidrinho.

Diorific Jewel Manicure Duo, Dior: R$ 249,00 / Gold, James Gold,Risqué: R$ 9,90


A dupla da grife é composta por um esmalte dourado e um vidrinho com bolinhas transparentes para fazer um efeito caviar. O Gold, da Risqué, é super brilhante e quase cromado. Só é menos amarelado que o da Dior.

Steamy, M.A.C.: R$ 59 / Tango, Ana Hickmann: R$ 3,89



Este rosa não é tão difícil de se achar no mercado, mas é febre no exterior. Nossa sugestão é o Tango, da Ana Hickmann.

Paradoxal, Chanel: R$89 / Violeta Acinzentado, Risqué R$ 3,75




Foi uma das cores mais bafo que a Chanel já lançou e por incrível que possa parecer, o Violeta Acinzentado, da Risqué, é igualzinho! Pode investir sem medo. O problema é que a edição da cor é limitada, mas ainda é possível achar em algumas farmácias e perfumarias.

Lemonade, Orly: R$ 34,90 / 219, Hits: R$ 3



É o amarelinho must have lá na gringa. Por aqui é mais difícil conseguir um Orly, apesar de não ser um absurdo de caro. Para atingir quase o mesmo tom, pode apostar no 219, da Hits.

Between the sheets, Deborah Lipmann: $17 / Noite Quente, Colorama: R$ 2,75


Between the sheets enlouqueceu as mulheres lá fora, mas por aqui não tem para vender em lojas nacionais. O tom de Noite Quente, da Colorama, é o que mais se aproxima, mas mesmo assim não é igual.



Gostaram? Quais os seus prediletos?

Siga o Blog Ci Senhorita:

 Instagram: @cisenhorita


You Might Also Like

2 comentários

Só libero os comentários depois de lê-los.
Se tiverem alguma dúvida, perguntem que eu responderei por aqui mesmo!
Obrigada pela visita!

pickedresses